Usuário: Visitante | Identifique-se | Cadastre-se
Busca
Por assunto
Por consultor

Últimos atendimentos
Por que no Antigo Testamento somente o Deus Pai se revela, e as outras pessoas da trindade não?
É errado continuar casada com uma pessoa adúltera?
Por que muitos irmãos quando passam por dificuldades se esquecem da fé?
Um crente batizado que vive em concubinato pode exercer a liderança na igreja?
Quem nunca ouviu falar de Jesus, poderá ser salvo?
Mais
Os mais lidos
Variedades

Consulta

Qual a diferença entre salmos, cânticos, hinos, coros e louvores?

Atendimento

Não sou músico e nem especialista da área, mas mesmo assim me arrisco a responder sua pergunta do ponto de vista bíblico e da observação do estado das coisas na atualidade.

A palavra Salmo, que é de origem hebraica (psalmos), significava primeiramente dedilhar um instrumento de cordas (provavelmente harpa). Posteriormente passou a denotar a canção sacra  cantada com acompanhamento musical (cf. Dicionário Wine, pp. 966, 967).

“Cântico do grego (õde – canção, cântico) sempre é usada no Novo Testamento (como na Septuaginta), em louvor a Deus ou a Jesus; em Efésios 5:19 e Colossensses 3:16, é acrescentado o adjetivo “espirituais”, porque a palavra em si é genérica e pode ser usada acerca de cânticos de  qualquer tipo...” (Dicionário Wine, p. 948).

Hino do grego humnos “denota “cântico de louvor dirigido a Deus” (em português, “hino”), ocorre em Ef 5:19 e Cl 3:16...”  (Dicionário Wine, p. 691). No grego clássico eram cânticos líricos festivos cantados a um deus, mas nos textos citados referem-se unicamente ao louvor a Deus nas reuniões da igreja.

Coro na Bíblia refere-se a um coral formado por várias pessoas e aparece somente no Antigo Testamento.

Cânticos é um termo geral para uma composição musical

Louvor. “Substantivos: 1. ainos, primariamente “narrativa, narração”, veio a denotar “louvor”; no Novo Testamento se refere somente a Deus (Mt 21:16; Lc 18:43). 2. epainos, forma do n° 1 (epi, “sobre”), denota a “aprovação, elogio, louvor”... deve-se atibuir louvor a Deus em relação a Sua glória...” (Dicionário Wine, p. 760, 761).

Pode-se dizer que “louvor” é o justo elogio dado a alguém, no presente caso a Deus, por Seu caráter, Suas perfeições, Seus feitos, Sua maravilhosa graça, Seus cuidados etc.

Tendo dado estas definições técnicas passo agora a responder do ponto de vista da cultura evangélica atual que tem dado a cada um destes termos um significado que até mesmo pode variar de região para região deste imenso país.

Normalmente quando falamos em hinos estamos pensando nas músicas dos hinários tais como Hinos e Cânticos, Cantor Cristão etc. São aquelas melodias de estilo europeu ou norte americano em um estilo, digamos, mais clássico. Se bem que há em tais hinários outros ritmos que em seus paises de origem fazem parte de vários estilos tais como marcha militar, valsa e músicas folclóricas etc.

Com cânticos, geralmente, estamos nos referindo as composições de irmãos mais contemporâneos e que normalmente não estão inseridos nos hinários “oficiais”dos grupos evangélicos mais antigos. Alguns grupos mais novos por não terem uma herança musical nem mesmo têm uma coletânea de hinos e vão cantando os cânticos que estão na “moda”.

Como coro ou corinho, normalmente nos referimos uma canção curta que pode ou não estar incluída no hinário “oficial” ou coletâneas avulsas como Cânticos de Sião (usado por irmãos de algumas Casas de Oração).

louvores é um termo que tem sido usado para designar a ação de cantar para Deus. Se alguém vai cantar dizemos que vai louvar ou cantar louvores. Em algumas igrejas o período de cânticos é chamado de período de louvor.

Até onde sei nenhum grupo tem o costume de usar a palavra salmo ou salmodiar para denotar o período musical das reuniões da igreja. Salmo, para a maioria de nós são as composições do livro dos Salmos.

Como você pode ver, na verdade os termos se referem ao ato de cantar só diferindo entre si na forma ou extensão do que se canta.

Jabesmar Guimarães

Nota: As opiniões dos articulistas e consultores não refletem obrigatoriamente as mesmas do site ou dos demais consultores.

"Aquele que começou uma boa obra em vocês irá completá-la até o dia de Cristo Jesus" Filipenses 1:6