Usuário: Visitante | Identifique-se | Cadastre-se
             #172: Sobrevivendo ao Casamento16/04/2012 
1 85  

Paulinho Degaspari, Giuliano Barcelos, Daniela Marques e Felipe Marques voltam a falar de relacionamento no Podcast irmaos.com e dedicam este programa para entender as principais necessidades do casamento e descobrir como supri-las de maneira saudável e altruísta.

Duração: 00:55:55

Programa relacionado:
#55: Casamento

» Conheça o blog Salve meu Casamento da nossa convidada Dani
» Responda nossa pesquisa sobre Comunicação na Igreja

#ficadica:

Para ouvir o programa, clique no "play" ou faça o download da qualidade desejada clicando sobre o link com o botão direito do mouse e escolhendo "Salvar destino como...":


ALTA (128 Kbps) - Download (38.51 MB) | Abrir no pop-up | Download .zip

PADRÃO (64 Kbps) - Download (25.71 MB) | Abrir no pop-up

[MUTIRÃO DE TRANSCRIÇÃO] Comece agora a transcrever este programa!

[Comente (85)]

[Comente]
85 comentários

Chegou!!!

(0) (0)

Danielly Alexandre
João Pessoa
16/04/2012, 23:37:03

segundaaaaa!!!! baixando!

(0) (0)

Thais Dutra Souza
São Paulo
16/04/2012, 23:38:06

top tree

(0) (0)

Cleberson da Silva Rodrigues
Uberlândia
16/04/2012, 23:41:02

O Cleberson subiu na árvore! ;)

(0) (0)

Paulinho Degaspari
São Bernardo do Campo
16/04/2012, 23:42:25

Opa!!!

(0) (0)

Marcelo Mathias Lima
São Paulo
16/04/2012, 23:42:46

sem trolls de domingo e terça, dá-lhe up né Paulinho!

(0) (0)

Cleberson da Silva Rodrigues
Uberlândia
16/04/2012, 23:45:51

Tamo junto! Esse parece bom!

(0) (0)

Lucas Alves Teles
Coronel Fabriciano
16/04/2012, 23:49:12

cara eu já estava inquieto!!! baixando podcast!!!!valeu galera!!!!

(0) (0)

Fredson Souza Oliveira
Vera
16/04/2012, 23:50:31

Nem ligo em ser o first... ;)

(0) (0)

Pedro Angélla Neto
Botucatu
17/04/2012, 00:00:54

Caramba, tá dificil ser o primeiro!!! mas o tema é bem interessante...

(0) (0)

Fábio Ferreira Neves
São Bernardo do Campo
17/04/2012, 00:02:38

Vou ouvir agora mesmo. Tema bem relevante para muitos casais.
Complicado ser o primeiro a postar hehehe

(0) (0)

João Cruz
Brasília
17/04/2012, 00:04:19

Vou ouvir amanhã .... ah esse boneco do Pedro ficou d+ kkkkkkkkkkkk

(0) (0)

Kele Amaral
Belo Horizonte
17/04/2012, 00:54:01

Esse é pro amigo Deivid Ramon. No aniversário de namoro sair um podcast sobre isso, deve significar alguma coisa né kkkkk

(0) (0)

Geovanne Medeiros
Contagem
17/04/2012, 01:02:12

Ahhh, que podcast maneiro... sou solteira ainda, mas é um podcast também pra solteiro. Acho que as pessoas tem que entrar no casamento e ter noção da realidade. Acho que a síndrome de cinderela ataca tantos moças quanto rapazes, e esse podcast foi um lindo choque de realidade... Parabéns!

(0) (0)

Françoise Guimarães da Silva
São paulo
17/04/2012, 05:39:47

ahhh não vou poder comentar nesse pod por não ter experiência:( ... rsrs
No começo achei que ia ser um pod engraçado, mas foi tratado com muita seriedade.
É triste ver que as pessoas nem tentam consertar as pernas da mesa e vão logo desistindo, "se dão" tão bem no namoro, mas parece q é só casar pra começar a dar tudo errado.

(0) (0)

Silvia Gab♪ielle
Ji-paraná
17/04/2012, 08:57:30

isso é um sinal, oh lord! hehe vamos ouvir depois volto pra comentar!

(0) (0)

Deivid Ramon
Contagem
17/04/2012, 09:14:26

Pessoal

Muito legal o podcast!

Excelente o blog da Dani

Importante ter falado dos papéis!

Abraços

(0) (0)

Sapão
Joinville
17/04/2012, 09:58:24

Caraca, muito bom! PRECISO colocar minha noiva pra escutar esse podcast!! ;)
O podcast pode ser pra quem já é casado, mas tenho certeza que ajudará MUITO quem está pra casar, como eu!
Aliás, muito interessante... Numa troca de e-mails com o Lucas Teles(ena), estávamos trocando livros e artigos sobre casamento, já que ele também está pra casar... E me aparece esse podcast! PERFEITO!

(0) (0)

Pedro Angélla Neto
Botucatu
17/04/2012, 10:06:38

De volta depois de um longo tempo!

(0) (0)

TARSOVASCONCELOS
Morrinhos - Ceará
17/04/2012, 10:20:59

Pensando em abençoar casais, em são vicente temos um projeto que tem feito diferença na vida de noivos e recém casados, com o treinamento "Antes de Casar Vamos Conversar?", caso queiram conhecer um pouco mais,
acessem : http://ipsv.blog.br/antes-de-casar-vamos-conversar/

(0) (0)

Wendell Lopes do Nascimento
são Vicente
17/04/2012, 10:38:45

É isso, Pedro. A minha ideia é ouvir junto com a Noeme.

Já baixei, mas só vou ouvir no sábado que é o dia que nos vemos.

Depois comento!

(0) (0)

Thiago Ibrahim
São Gonçalo
17/04/2012, 11:01:11

Adorei!

(0) (0)

Mirela
SBC
17/04/2012, 12:56:42

WOW!!! Fantástico!!!
Ouvi no meu horário de almoço e foi muito edificante... Os quatro participantes foram muito usados por DEUS! Paulinho, mais uma vez, arrebentou na edição! PARABÉNS pra todos!
Dani e Filipe continuem com o propósito dos blogs! DEUS continuará abençoando!

Pedro, verdade... quando vi esse tema ontem, fiquei espantado!! Ontem mesmo lhe mandei aquele e-mail e mais tarde o Paulinho solta esse programa. É de DEUS!!!

Abração!

(0) (0)

Lucas Alves Teles
Coronel Fabriciano
17/04/2012, 13:21:28

Bixando!!Ouvir daqui a apouco!!
vlw por mais esse podcast,fiquem na paz!!!

(0) (0)

Abraão
Fortaleza
17/04/2012, 14:10:42

Adorei participar desse podcast, bate-papo edificante! Por mais que o mundo insista em nos dizer que o divórcio é a saída mais fácil para um casamento em ruínas, temos que, como bons cristãos, usar nossas "ferramentas" para provar o contrário! E foi exatamente isso que fizemos aqui. O casamento nasceu no coração de Deus, não podemos desistir tão fácil... Ah, gostaria só de registrar que a teoria das "4 intimidades" não é minha, mas sim do Gary Chapman.

Paulinho, já falamos nos bastidores mas vou ressaltar aqui: Você é o "mago" (ou magro, como preferir, rs) das edições! Que Deus continue fortalecendo vocês neste ministério lindo, renovando as forças físicas e espirituais!

O Cleberson subiu na árvore, ótima! kkkkkk

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
17/04/2012, 14:29:32

Ah! Lucas e Sapão, obrigada pelas palavras de apoio e incentivo!

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
17/04/2012, 15:19:58

parabéns pessoal pela mensagem! muito bom, o casamento é uma benção e eu amo ser casada. Realmente, como foi compartilhado, o fim do casamento não pode ser uma possibilidade.
Deus abençoe a todos e a esse programa que traz vida para o cotidiano das pessoas. beijos
Dani Lisa. rs

(0) (0)

Danieli Farias Dias Maiorino
SBC
17/04/2012, 16:11:31

Muito Bom! O casamento é uma benção e precisa ser valorizado. Meu amado e eu estamos perto de completar 7 anos de uma vida a dois maravilhosa. É claro que as vezes temos nossas divergências ( quem não tem?) mas as resolvemos sempre com amor e respeito. Que Deus use esse Pod para restaurar muitos lares. Parabéns pelo seu trabalho Daniela, os blogs são excelentes!

(0) (0)

Kele Amaral
Belo Horizonte
17/04/2012, 20:30:14

Oi Kele, obrigada pelas palavras de apoio e incentivo!

Ai, e que vergonha a gafe da piadinha no final! Paulinho, quando você disse que ia deixar eu não acreditei....rsrs.

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
17/04/2012, 21:52:13

Nossa, sempre q posso escuto os podcasts, por indicação de um primo. Esse foi um dos melhores q já escutei. Papo muito cabeça! Vcs se superaram! Vou começar a colocar em prática hj mesmo. Valeu por abençoarem tanto minha vida e agora meu casamento!

(0) (0)

Luís Felipe
Goiania
17/04/2012, 22:45:24

Foi uma alegria enorme participar deste podcastcom a minha amada esposa! Ainda mais por ser um ouvinte de longa data desse programa! Conheci o pod através de um link do Ariovaldo Ramos, ouvi e depois fui conhecer o acervo todo que é fantástico! Paulinho e Dri, oro por vcs, pois são instrumentos de Deus para edificar muitas vidas!

Abraço!

(0) (0)

Felipe Marques
São Paulo
17/04/2012, 23:33:45

Dani, o Paulinho é desse jeito!! ;) Sempre coloca os micos na edição! Quando eu participei do programa 160, eu pedi ele pra tirar uma parte lá e ele deixou (disseram que eu era nordestino)... hehehehehe.
As edições que ele faz são sempre muito boas.

(0) (0)

Lucas Alves Teles
Coronel Fabriciano
18/04/2012, 08:14:23

Eia, ouvi ontem gostei de mais!!! Minha namorada também ouviu, conversamos sobre o que a gente absorveu dele, foi muito bacana! Muito obrigado gente. Fica a dica, é ótimo para os casados mas também para quem está no caminho para casar, excelente pessoal!

(0) (0)

Deivid Ramon
Contagem
18/04/2012, 10:01:44

Conheço de longa data este casal, e posso confirmar suas palavras/teses. É de DEUS!!!

(0) (0)

Odair Carrer
São Paulo
18/04/2012, 10:47:14

Pois é, o povo rindo as nossas custas...hehe. Mas se foi pra alegrar um pouquinho mais o dia do pessoal, então valeu a pena! rs

Odair, que surpresa boa vê-lo por aqui! Mais uma vez obrigada pelo seu apoio e incentivo com o nosso ministério! Que o Senhor continue te fortalecendo e direcionando. Saudades!

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
18/04/2012, 13:50:00

Muito bom!
Eu não sou casada ainda, mas o podcast serviu para mim também.Infelizmente vemos como o divórcio tem crescido no mundo...nos como cristãos devemos sempre pedir orientação do Senhor e seguir conforme a

Palavra.“Portanto, o que Deus ajuntou não o separe o homem” (Marcos 10.9).

(0) (0)

Jéssica Morales
Belo Horizonte
18/04/2012, 14:02:39

Ah... queria ouvir a piada, pôxa.... não conheço...
Gostei bastante de tudo o q foi falado. Assunto "PUNK" !! Sim, não é fácil sobreviver ao casório, mas (copiando uma fala) "Deus dá as ferramentas" e com muita disposição mútua e perseverança, cada casal vai construindo sua história.
Dani, quando eu crescer quero ser igual a você !!!!!

(0) (0)

Gisele
SamPa
18/04/2012, 17:43:39

Gi, obrigada pelo carinho! Você tem buscado as "ferramentas" e isso já é um grande passo. Oro para que haja disposição e muita perseverança, como você falou!

Ah! A piada é assim: "Casamento é igual piscina gelada, o primeiro que pula fica falando: Vem, vem, pode pular que tá gostoso!" Pronto, matei a vontade de contar! kkkkk

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
18/04/2012, 22:51:35

Jéssica, só para acrescentar seu comentário, muita gente distorce este versículo que você citou. Antes de falar isto, Jesus estava relembrando aos fariseus que homem e mulher deveriam deixar pai e mãe e se tornar "uma só carne". O grande problema, é que muitas pessoas se casam, mas não se tornam "uma só carne". Continuam vivendo suas vidas e buscando seus próprios interesses. Não vivem o amor incondicional, mas sim o amor egoísta: "Eu só te faço feliz se você me fizer feliz!" Vivendo dessa maneira, não se pode esperar muita coisa... o divórcio é previsível. E aí, não tem como colocar a culpa em Deus: "Poxa, pedimos a bênção de Deus no dia do casamento, e como Ele permitiu o nosso divórcio?" O homem não separa aquilo que Deus ajunta, mas Deus só ajunta quando o homem é obediente e fiel a sua palavra! É isso aí, beijos!

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
18/04/2012, 23:10:45

Resumo esse podcast em apenas uma palavra: SHOW!!!!

(0) (0)

Carmem Irosa
sp
20/04/2012, 10:05:32

Muito bom o podcast do casamento, não sou casada ainda mais namoro a 6 anos, aprendi muito.....Massa!

(0) (0)

Jenniffer Barros
Contagem - MG
20/04/2012, 11:23:44

Eu e minha esposa completamos dez anos de casado, quantos problemas, ufa!
A fórmula não existe, muita gente fala vou esperar o varão a varoa esses bordões malucos!
Eu discordo sobre o fazer a outra pessoa feliz, para fazer outra pessoa feliz eu teria que ter o poder de ressuscitar os mortos, curar as doenças e conseguir a paz mundial, Eu entendo amor como um sinal de respeito, assim como Jose ouviu, amou a Deus e respeitou a Maria, ao contrario de hoje, pois muitas pessoas se divorciam até matam por essa falta de controle, pois a falta de amor a Deus gera a falta de controle e respeito por outras pessoas.
Pois devemos amar a esposa como Cristo amou a igreja, opa! Devemos interpretar o amor de Deus da mesma forma que interpretamos quando falamos de união conjugal? Carnal?
Por isso que existe esse excesso de religiosidade, e certa idolatria em relação ao ato cerimonial do casamento como um ato de mágica, que nos dias de hoje tem um apelo mais do comercial do que um ato público de compromisso.

(0) (0)

Everson R Duarte
Londres
20/04/2012, 17:16:08

Exemplo: quando eu conheci a minha esposa ela não compartilhava da mesma fé, eu observei o caráter e seriedade, ela tinha assuntos muito mais agradáveis do que algumas meninas da igreja, eu fui contra tudo e todos, mas nunca a amei mais do que amo a Deus.
Hoje a minha esposa além de compartilhar a mesma fé, obedece e segue os princípios cristãos mais do que eu, e o mais importante é que ela ama a Deus mais do que a eu.
Assim a nossa união tem sido duradoura, o cordão, as três dobras, quando um está fraco, o outro anima, e ambos estamos sustentados pela corda principal.
Para quem pensa em se casar um simples conselho: quando você enxerga o seu parceiro como sendo um objeto para se alcançar a felicidade, pense duas vezes antes de tomar esse passo, pois quando vocês tiverem a primeira briga aquela do sofá, que todo o casal normal e saudável uma ou duas vezes na vida já tiveram! Com quem você ira se aconselhar? Confortar o seu coração, se o seu objeto de felicidade virou as costas!

Ela dança e eu danço e Deus é o maestro que rege a orquestra de nossas vidas.

(0) (0)

Everson R Duarte
Londres
20/04/2012, 17:17:44

Everson, não entendi muito bem algumas colocações suas, e como o Paulinho disse, acho que podemos bater um papo saudável aqui... O que é o amor? Fazer bem a outra pessoa, como fazemos a nós mesmos, mesmo que não haja reciprocidade (a parábola do bom samaritano explica isso muito bem). Quando Jesus nos ordena a amar nossos inimigos, a pergunta que vem a nossa mente é: "como conseguir amar alguém que nos faz mal?" Creio que Deus não nos pediria algo impossível... E como conseguir obedecer a este mandamento? Apenas com a ajuda Daquele que tem o poder de ressuscitar mortos e curar as doenças! Eu não tenho o poder de amar e fazer o outro feliz, mas o Deus que eu creio tem, e é através de alguns passos de fé e obediência a Palavra que conseguimos. Quando você diz que sua esposa conheceu a Deus através da sua vida, é porque você colocou em prática o que Jesus nos ensinou, ou seja, através das suas atitudes e do seu testemunho ela foi ganha.Você questionou o seguinte versículo de Efé... [mais]

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
20/04/2012, 20:10:18

... o mesmo amor que Ele teve por nós ao morrer na cruz, Ele quer que os maridos tenham pela sua esposa. Concordo quando você diz que não devemos depender do outro para sermos felizes. Nossa felicidade tem que estar em Deus, não no nosso cônjuge. Mas não tem como negar que quando um marido trata sua esposa com amor ela se sente feliz. E o mesmo acontece quando uma esposa trata seu marido com respeito... Não são bordões nossos, mas sim Palavra de Deus. Se eu acredito no que a Bíblia diz, tenho que absorver o ensinamento, viver e passar adiante. É o que fizemos no podcast. Não é excesso de religiosidade e nem idolatria à cerimonia religiosa, é fé naquilo que Cristo nos ensinou. Sobre a "teoria" das 4 pernas, foi só uma ilustração e não uma fórmula mágica. Um casal que não tem essas 4 intimidades, sofre algum tipo de problema, e fica mais propenso a se divorciar... isso é fato! Bom, essa é a minha visão e você não precisa concordar com ela. Só resolvi esclarecer caso alguém não ... [mais]

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
20/04/2012, 20:22:07

Opa! Daniela tudo bem? Na verdade eu critiquei alguns pontos do tema abordado, nenhum de meus comentários foram dirigidos as  pessoas que participaram do podcast.  Vocês defenderam a família , eu seria um fariseu se atirasse pedras em vocês . Eu fiz  um resumo pessoal do que eu vivo. E por mais que eu adore um bom debate , uma discussão sadia , olha! Neste caso   Nunca  fui tão sincero ao escrever na internet.  Mantenho a minha opinião e critica em alguns pontos , "tema abordado" e  em relação a interpretação do texto bíblico anteriormente citado pois a um abismo muito grande texto,contexto , o que eu entendo com o seu real significado.

(0) (0)

Everson R Duarte
Londres
20/04/2012, 23:17:36

Já que comentaram sobre o divórcio aí em cima: eu nunca entendi qual é a base bíblica que os cristãos usam pra terminar um casamento com divórcio e começar outro.
É alguma tradução moderna ou usam algum termo do grego ou aramaico pra justificar?

(0) (0)

Sara 8:)
Ri-ó-
21/04/2012, 13:11:54

Oi Sara! Como adoro o tema, lá vou eu responder sua pergunta...rs. Então, lá em Mt 5:31-32 e 19:9, Jesus ensina que o divórcio é proibido exceto por imoralidade sexual. Mesmo que o divórcio não seja o ideal, é permitido no caso de um dos parceiros ter sido infiel. Jesus permite o divórcio nesse caso, mas ele não ordena...é bem diferente. Mas como bons cristãos, devemos praticar o perdão em toda e qualquer circunstância. Se seu cônjuge estiver arrependido e disposto a mudar, não há dúvidas de que devemos perdoá-lo e não pensar no divórcio. Mas caso ele insista na infidelidade, o cônjuge afetado terá a permissão de se divorciar. Lembrando que neste caso o perdão também deve existir. Falo mais sobre isso lá no blog no texto: "Devo perdoar uma traição?"[go.irmaos.com/c8] É isso aí...

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
21/04/2012, 14:14:21

Oi Everson! Tudo certo, entendi ! Mas só fiquei na dúvida sobre o versículo citado... qual a sua visão sobre ele? Deus abençoe!

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
21/04/2012, 14:16:12

Daniela, a pergunta não foi direcionada. Mas, obrigada por responder. O questionamento não foi esse. Quero saber qual é a base bíblica que usam para o novo casamento. A separação em caso de adultério é diferente de permitir um segundo casamento.

(0) (0)

Sara 8:)
Ri-ó-
21/04/2012, 14:37:05

Tô com a Sara! Não entendo também! Infelizmente isso tem inundado as igrejas e os líderes estão muito frouxos e permissivos com esse pecado. Conheço um casal de amigos, ambos com idades próximas a minha, (26 anos) que se separou no ano passado e já estão envolvidos com outras pessoas. O rapaz está com outra menina que tem a minha idade. Todos envolvidos são crentes.
Um casamento de 7 anos acabou e outro de 3 meses. Que tristeza!

(0) (0)

Lucas Alves Teles
Coronel Fabriciano
21/04/2012, 16:27:36

Lucas, isso acontece pq muitos líderes assumem um segundo casamento. Ou terceiro. Ou quarto. Se eles podem, o rebanho também. Parece que alguns cristãos já assumiram a postura secular: casam pensando que se não der certo, é só casar de novo. Nem precisa ter adultério pra divorciar.
Eu realmente gostaria de entender qual é o amparo bíblico pra essa prática.

(0) (0)

Sara 8:)
Ri-ó-
21/04/2012, 16:34:52

Verdade Sara, conheço líderes que caíram assim e conheço aqueles que protegem seus familiares, amigos e outras pessoas próximas. Isso é trágico.
Não há base bíblica para isso. Há base humana pra qualquer coisa e pra isso não seria diferente. Quando o homem quer justificar o pecado, distorce a própria palavra de DEUS para se amparar!

Só pra pensarmos: creio que a vontade de DEUS desde o início era e é até hoje, que o homem tivesse apenas uma mulher. Se assim não fosse ele teria criado várias mulheres para Adão, ou quando Eva pecou, tinha dado ao homem a opção de separar-se dela e lhe daria outra esposa.

(0) (0)

Lucas Alves Teles
Coronel Fabriciano
21/04/2012, 19:21:36

Entendi, concordo e também me indigno! O divórcio virou moda entre os cristãos, e como vocês disseram, muitos líderes têm dado este mau exemplo como se fosse a coisa mais normal do mundo, mas sabemos que não é! Jesus fala em Mt 19:9 o seguinte: "Eu lhes digo que todo aquele que se divorciar de sua mulher, exceto por imoralidade sexual, e se casar com outra mulher, estará cometendo adultério." Apesar de não ter dito de uma forma expressa, dá-se a entender que se um divórcio for obtido por causa de adultério, a pessoa inocente estaria livre para se casar de novo. Além do mais, um dos motivos principais da "carta de divórcio" é permitir um novo casamento, se não fosse assim, a separação resolveria muito bem a questão. Mas o negócio complica quando começamos a comparar outras traduções. A Versão Católica, por exemplo, no lugar de imoralidade sexual ou fornicação, coloca "matrimônio falso", ou seja, a imoralidade antes do casamento descoberta depois do matrimôn... [mais]

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
22/04/2012, 00:10:42

Outra coisa que é omitida em algumas traduções (na NVI por exemplo), é a segunda parte do versículo: "...e o que casar com a repudiada também comete adultério", que pode-se encontrar na Almeida Corrigida Revisada e Fiel. Neste caso, entendemos que qualquer um (culpado ou não) que se divorciar e se casar com outra pessoa estará cometendo adultério... Outra dúvida que surge é: "O que dizer das pessoas que se divorciaram e se casaram novamente antes de serem salvas?" Acho que neste caso não deveria haver dúvida, pois antes de conhecerem a Jesus, eles pecaram inconscientemente, ou seja, não conheciam a verdade, mas ao receberem-no em suas vidas, seus pecados foram automaticamente perdoados e agora, conscientes do que Jesus pensa em relação ao divórcio e novos casamentos, não deveriam cometer o mesmo erro. Gente, é isso aí. Deixei as informações, agora tirem suas próprias conclusões...hehe

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
22/04/2012, 00:25:47

Dani, não compreendi como é que se chega a esse entendimento:

"Apesar de não ter dito de uma forma expressa, dá-se a entender que se um divórcio for obtido por causa de adultério, a pessoa inocente estaria livre para se casar de novo."

(0) (0)

Sara 8:)
Ri-ó-
22/04/2012, 09:07:44

Oi Daniela Marques, respondendo a sua pergunta.
Sobre o versículo citado, na bíblia a igreja de Deus muitas vezes é classificada como noiva amada, pensamento lógico, igreja é formada de pessoas, ambos os sexos, esse versículo deixa bem claro que Deus ama o homem na mesma proporção que ama a mulher, sendo assim o homem deve ter a consciência que quando ambos se agridem, automaticamente agridem a Deus.

Vale para cristãos e não cristãos, pois todos somos criaturas de Deus. Somos amados, tendo o nosso livre arbítrio respeitado.

Eva não foi criada para estar abaixo, mas ao lado, depois que houve o castigo, a maldição lá no Éden, houve também distorção nos textos, hoje vemos a mulher alcançando o seu espaço e isso vem assustando os homens, por outro lado a mulher deve saber do seu papel como esposa. Como eu disse anteriormente o excesso de religiosidade gera confusão, manipulação em beneficio de uma classe.

Todos pecam, os homens principalmente e as mulheres por sua vez confundem... [mais]

(0) (0)

Everson R Duarte
Londres
22/04/2012, 14:39:12

Gostaria de expressar a minha opinião sobre o divórcio.
Nenhum sistema religioso tem poder para frear isso, já vem da época de Jesus, existe o ideal e a vida real, o que Deus deseja para o homem é o ideal, mas a realidade na é outra?
Muitas vezes é muito fácil colocar fardo nos outros, aquele casamento de fachada, pastores que agridem suas esposas usando a religião distorcendo os textos e escravizando psicologicamente a outra pessoa.
Tudo cai nas costas do inimigo e as pessoas esquecem-se do livre arbítrio e das consequências das decisões que são tomadas, somos responsáveis pelas nossas decisões isso se encaixa em uma decisão de se casar precipitadamente ou de se separar, de trair o outro ou não trair, não se esquecendo de que Deus ira julgar todas as nossas decisões, em relação a lideranças nem precisa falar (essas pessoas podem se considerar tudo, menos lideres – desempregados e fracassados).
O mal da igreja é de querer vestir uma capa de super herói, se esqueceram da passagem bí... [mais]

(0) (0)

Everson R Duarte
Londres
22/04/2012, 15:20:11

Oi Sara! Na verdade isso é uma conclusão de alguns teólogos. Para eles, essa afirmação se justifica no trecho que coloquei logo após a este que você citou: "Além do mais, um dos motivos principais da carta de divórcio é permitir um novo casamento, se não fosse assim, a separação resolveria muito bem a questão." Ou seja, se um dos cônjuges cometer imoralidade sexual, segundo Jesus, a parte inocente estaria livre para se divorciar (o que é diferente de se separar), e como foi dito, a carta de divórcio é um documento que, dentre outras coisas, "libera" a pessoas para se casar novamente. Se Jesus não estivesse falando sobre a permissão de um novo casamento, não teria a necessidade de liberar o "divórcio", falaria apenas sobre a simples separação. Já o trecho que é omitido em outras versões, mas que está registrado na Almeida Corrigida, não dá espaço para um novo casamento, pois ele diz que inclusive a parte inocente cometeria adultério se casasse novamente. O ... [mais]

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
22/04/2012, 23:47:38

Tudo fica mais simples quando entendemos o que Jesus fez na cruz! A lei (que foi citada nos comentários acima) é apenas um paliativo para o pecado, mas não a cura completa. A cura completa encontramos apenas em Cristo Jesus. Eu preciso da lei para saber o que é pecado, é pra isso que ela serve, mas o nosso corpo luta diariamente contra o espírito. Como diz Paulo em Rm 7: "Porque tenho o desejo de fazer o que é bom, mas não consigo realizá-lo. Pois o que faço não é bem o que desejo, mas o mal que não quero fazer, este continuo fazendo... Miserável homem que sou! Quem me libertará do corpo sujeito a esta morte? Graças a Deus por Cristo Jesus, nosso Senhor!" Ele já pagou o preço pelos nossos pecados, somos livres! Mas a dúvida pode surgir: "E então? Vamos pecar porque não estamos debaixo da Lei mas debaixo da graça? De maneira nenhuma! Antes, éramos escravos do pecado. O pecado leva a morte. Agora, somos "escravos" de Deus, o fruto que colhemos é a santidade e o s... [mais]

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
23/04/2012, 00:32:41

O grande problema é que insistimos em fazer diferença entre pecados. O pastor que se divorciou e se casou novamente, pecou tanto quanto o pastor que não se divorciou mas vive pensando em outras mulheres. Quando Jesus ensina que apenas o pensar em outras mulheres é adultério, está querendo dizer que antes de praticarmos o ato, já pecamos lá no íntimo dos nossos corações. A lei pode controlar os nossos atos, mas não alcança o coração. Só Deus o faz! "Não adulterarás, não matarás, não furtarás, não cobiçaras e qualquer outro mandamento, todos se resumem neste preceito: Ame a seu próximo como a si mesmo. O amor não pratica o mal contra o próximo. Portanto, o amor é o cumprimento da Lei." Rm 13:9 e 10. Se você ama seu cônjuge, não vai fazer mal a ele. Não fazendo mal a ele, não haverá necessidade do divórcio. Pronto! Através do amor cumprimos a Lei!!! Agora, o que dizer de um cristão que se divorciou, está casado com outra pessoa, mas se arrependeu? Ele está condenado? Deus é Deus... [mais]

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
23/04/2012, 00:36:41

Vocês poderiam se reunir novamente em outro podcast, foi muito profundo, abordou o casamento, a família em geral, aconselhando os casados e solteiros, proporcionando um debate sadio nas escrituras.

Sensacional!

(0) (0)

Everson R Duarte
Londres
23/04/2012, 06:57:49

"O problema, é que esse trecho foi acrescido pelo Almeida com base em documentos mais recentes e não nos originais... olha o negócio é complicado!"

Ahhhh tá. Acrescentaram sabe-se lá como, pra justificar.
---------
Pra chegar ao ponto do divórcio, é pq já havia separação.

(0) (0)

Sara 8:)
Ri-ó-
23/04/2012, 10:23:47

O divórcio é uma "liberação humana", se é que isso existe para um novo casamento. Quando uma pessoa é divorciada, legalmente é permitido casar-se novamente. Mas e diante de DEUS? Tem jeito de divorciar-se perante DEUS? O próprio texto de Mateus 19:6 mostra que não. Portanto o que passar disso é diabólico! Qualquer invenção humana para justificar um novo casamento é do diabo! Assino embaixo todos os posts da Sara!

(0) (0)

Lucas Alves Teles
Coronel Fabriciano
23/04/2012, 11:29:56

Então Lucas, eu também não vejo como possibilidade o divórcio na vida de um verdadeiro cristão. O plano de Deus não é e nunca foi este! Mas se você continuar lendo esse texto de Mateus, vai perceber que logo abaixo o próprio Jesus permite (não ordena) o divórcio em caso de imoralidade sexual. E continuando seu comentário Sara: "E se já havia separação, é porque não houve amor." Insisto em dizer que QUALQUER mandamento dado por Deus se resume ao Amor! Romanos 13: 9 e 10 deixa isso bem claro. Se você pratica o amor, automaticamente estará cumprindo o mandamento. A Lei não deve ser o foco, mas sim o Amor! Se eu for aconselhar um casal sobre o divórcio, claro que vou dizer o que Deus pensa a respeito, mas se eles não praticarem o Amor dentro do casamento, não serão capazes de cumprir esta Lei, entendem? O divórcio é tão pecado quanto a fofoca, roubo, mentira, adultério (inclusive em pensamento).... Nenhum ser humano normal consegue ser fiel a todos os mandamentos dados por Deus, só Jesus conseguiu isso.

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
23/04/2012, 15:54:17

O cara pode nunca se divorciar e se mostrar um cristão irrepreensível diante dos homens, mas com certeza vai acabar caindo em outras áreas, não tem como escapar. Se não fosse a misericórdia de Deus, TODOS NÓS já teríamos sido consumidos! Conheci uma mulher que durante anos sofreu com o sexo anal. Seu marido a obrigava a fazer. Quando casou com ele não teve como prever que isto aconteceria. Depois de quase 20 anos ela estava tão machucada física e emocionalmente, que não aguentou e se divorciou. Cinco anos depois, encontrou um homem maravilhoso e se casou. Hoje, os dois tem um ministério lindo e estão muito felizes. Eu, Daniela, não sou capaz de julgá-los. Posso até dizer que pela lei eles estariam em pecado, mas como não sou capaz de sondar os corações, prefiro deixar este trabalho para o Único que tem a capacidade fazê-lo, Jesus! Mas gente, não quero obrigar ninguém a ter o mesmo ponto de vista que eu... cada um é cada um! Tô gostando desse bate-papo! rsrs

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
23/04/2012, 15:57:21

Dani, a maioria pode ter sim, um "pecado de estimação". Só que: um pecado não justifica o outro. Quem fofoca, por exemplo, pode ter até o hábito de fazer isso, mas não está em uma condição permanente. Quem erra geralmente assume ou não, mas não há "precedentes criados sabe-se lá como" para justificar. Essas são algumas diferenças.

(0) (0)

Sara 8:)
Ri-ó-
23/04/2012, 16:34:36

Depoimentos como esse me deixam mais confusa em relação ao casamento. Não há como prever o futuro, nem matar o cônjuge pq viúvos podem casar. Como proceder? Eu realmente não sei. E não vejo margem para o segundo casamento em caso de divórcio (seja com ou sem traição). Casar tá no topo de decisões sérias que pode ter consequências horríveis.

(0) (0)

Sara 8:)
Ri-ó-
23/04/2012, 16:40:00

Realmente Dani, o papo está muito bom (alto nível)!
Creio que Jesus não disse aquele versículo com o sentido de: "Meus filhos, se vocês, por acaso, ser tornarem chifrudos, podem se separar e se casar novamente que eu abençoo." Não creio nesse sentido. Acredito que o nosso SENHOR quis dizer que o divórcio seria possível somente nesse aspecto. Ele não poderia contradizer suas palavras logo acima que os dois se tornaram uma só carne. Uma só carne não se separa (espiritualmente falando). Eu gostaria muito de aprender grego para compreender melhor algumas passagens bíblicas do Novo Testamento. Essa, talvez, seria a primeira que eu leria os originais. (Se alguém conhecer, me indica as fontes)

(0) (0)

Lucas Alves Teles
Coronel Fabriciano
23/04/2012, 16:41:25

Apenas um humilde comentário.
Fiquemos todos tranquilos (ou intranquilos!).
Com exegese perfeita do texto, com grego ou sem, Deus há de julgar a cada um segundo as suas obras, inclusive nós que às vezes temos a pretensão de julgar o que os outros devem ou não fazer.
Seu irmãozinho,
Carlos

(0) (0)

Carlos Martins
São Paulo
23/04/2012, 16:53:02

Papo alto nível!!! rsrs

Então Sara, realmente complica, porque a luz da Palavra um segundo casamento seria sinônimo de viver em pecado. Lucas, eu também queria ter acesso aos originais. A gente fica quase doido quando começa a estudar e comparar as versões! Por isso decidi uma coisa. Se algum casal me perguntar o que Deus pensa a respeito do divórcio, vou mostrar o que está escrito na Bíblia sim, mas a minha insistência não vai ser com a Lei, e sim com a prática do amor dentro do casamento. Dessa maneira, eles não terão que se preocupar com o divórcio e nem com um segundo casamento... Agora, o que dizer para uma pessoa que se divorciou por conta de imoralidade sexual e quer se casar novamente? Resposta: "x". Vou pedir mais orientação de Deus neste sentido!

Paulinho, é só transformar estes comentários em áudio (se é q dá pra fazer isso), que você já tem um novo podcast! Da série Sobrevivendo ao Casamento: O Divórcio - kkkkkk. Muito bom falar com vcs!

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
23/04/2012, 17:06:59

Eu penso sempre pelo lado do amor também Dani, por isso compartilho da opinião da Sara que o casamento é uma decisão tão difícil. É bom que fica um alerta para os mais jovens pensarem bem antes de tomar essa decisão! Em julho, se for da permissão de DEUS, vou me casar e creio que está tudo de acordo com a vontade dele e nem penso em divórcio, novo casamento, sempre tenho comentado com a Thays, minha noiva. Mas a nossa preocupação, sei que é a dela também, é relacionada com pessoas que amamos, temos a maior consideração do mundo, mas que estão na situação de um segundo casamento pelo abandono do cônjuge. Isso é muito triste. Fico com muita pena! Creio que estão errados, mas eu acredito muito no amor e por isso tento não julgá-los; apesar de não apoiar!

É um prazer enorme falar (debater, hehehehe) com você!!

(0) (0)

Lucas Alves Teles
Coronel Fabriciano
23/04/2012, 17:15:23

Surgiu uma luz! Ao ler a história da mulher samaritana, q já estava no seu quinto casamento, fica claro q para os que acabaram de se converter e já estão no segundo ou terceiro casamento, não há necessidade de deixar o seu cônjuge, pois Jesus em momento algum pediu isso a mulher samaritana. Agora, sobre os já convertidos, esperem um pouco mais q estou terminando de queimar uns neurônios...

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
23/04/2012, 19:49:38

Fico pensando no caso que citei da mulher que sofria abuso do marido... será que nosso Deus, que é um Deus de amor, exerceria condenação ou misericórdia na vida dela? Lendo a Bíblia, vemos que em diversas situações o Senhor "voltou atrás", por misericórdia. Como disse o Carlos Martins, temos que deixar a condenação e o julgamento nas mãos de Deus. Acho que cada caso é um caso, não dá pra generalizar... Imagine um cara que foi abandonado pela esposa. O que é melhor: casar de novo ou passar o resto da vida abrasado pensando ou saindo com outras mulheres para suprir sua necessidade sexual? Para a maioria das mulheres é fácil ficar sem sexo, mas para um homem é uma tortura, como arrancar as unhas ou furar os olhos... é quase impossível suportar. E se Deus quiser ter misericórdia dele? Deus é Deus! Bom, acho que agora cheguei a uma conclusão...rs

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
24/04/2012, 17:20:30

Ólá pessoas, acredito que este foi um dos pod mais edificantes que ouvi, mas ainda fico meio confusa em relação a uma possível separação. Meu casamento é uma benção, no entanto conheço inúmeros casais que parecem ser um erro, qdo uma parte cede a outra não, a falta de respeito é cotidiana e o enfraquecimento espiritual é visível. É lamentável ver isso dentro das igrejas.
bjos...

(0) (0)

Ana Cristina Lopes de Souza
Monte Carmelo
27/04/2012, 22:27:47

ouvi o pod, e concordo com muita coisa que foi dita.

porem existem casos e casos, que tem de ser vistos individualmente porque carregam particularidades unicas.


(0) (0)

Alex Sander de Mello Navarro
Rj
01/05/2012, 10:40:33

Oi Alex, foi exatamente isso que falamos no fim do programa. Abraço.

(0) (0)

Paulinho Degaspari
São Bernardo do Campo
01/05/2012, 11:24:11

Ana, é realmente difícil quando uma das partes não colabora. Imagine um casal onde um dos cônjuges vive em adultério e se nega a mudar? A vontade que tenho (como ser humano) é dizer para pessoa "dar um pé na bunda" logo, mas tenho que me perguntar: Essa é a vontade de Deus? É complicadíssimo! Tenho acompanhado alguns casos assim, cada um com suas particularidades... Só Deus para nos orientar. O sofrimento é muito grande, ainda mais quando o casal tem filhos... é realmente triste!

(0) (0)

Daniela Marques
São Paulo
08/05/2012, 22:23:54

Bahia

(0) (0)

Jander
Bahia
14/05/2012, 11:09:42

Em primeiro lugar gostaria de deixar claro a todos que não existem "Originais" (autógrafos) da Bíblia, e nem ao menos o Hebraico bíblico (ele terminou em 400a.c) O hebraico falado hoje nasceu em 130 a.c. e pode ter certeza já mudou muito mais que nosso portuguës.

(0) (0)

Lenilson Fraga
Rio de Janeiro
14/05/2012, 17:04:34

Em segundo lugar: Eu fui casado e me divorciei por motivo de adultério da minha esposa que mesmo perdoada e reperdoada insistia em viver na prática. Hoje sou casado pela 2ª vez, afinal a 1ª faleceu, porém eu me lembro dos momentos em que me contorcia em orações, caminhadas extensas e corridas kilométricas (inclusive maratonas) para permanecer firme. Sem mãe e família distante paguei todo tratamento do cancer até que ele venceu e tive que pagar toda situação do enterro, no qual participei e nem por isso fiquei feliz porque "agora" estava livre para uma nova vida sem martírio na carne, e nem na consciëncia própria e dos outros. Não desejo isso a ninguém e tenho pena dos que, como os fariseus, usam a Palavra para impor cargas pesadas que nem eles mesmos arrastam com um dedo.

(0) (0)

Lenilson Fraga
Rio de Janeiro
14/05/2012, 17:30:17

Hoje vivo com um ministério com crianças chamado "Pais para toda vida", pois ninguém sofre mais do que os filhos, e com curso "Casados para Sempre" que fiz, tento ajudar casais e famílias, sempre lembrando a eles que o mais importante no planeta terra é, em primeiro lugar Deus e depois o homem, exclusivamente NADA é mais importante que eles.

(1) (0)

Lenilson Fraga
Rio de Janeiro
14/05/2012, 17:36:35

Obrigado pessoal. Vou guardar todas essas dicas no meu coração.

(1) (0)

Diego Rocha Chagas
Praia Grande
26/07/2012, 19:13:41

Bom eu não recebir ainda a benção do casamento! Mas acredito que Casamento e mais compromisso do que qualquer coisa eu dei a minha palavra que eu ia amar aquela pessoa! Por Isso deve escolher bem ele! Por Isso #EuEscolhirEsperar! :D

(2) (0)

Alrizete
Campestre
18/01/2013, 13:13:44

Olá pessoal do Irmãos.com, oi Dani, Felipe, poo, faz um tempinho que não venho aqui no site, e ainda chego qse um ano depois, rs >< ... Oi Dani, conheci seu trabalho pelo Genizah, tem qse um ano já, e acompanhando mais de perto, no blog e no face a uns 3 meses, estou curtindo muito ;).Falando do podcast:Poo, tava aqui me preparando pra falar que eu era meio fora dos padrões, quando de repente o Giuliano diz que também é assim, ufa, não me senti só no mundo o ... eu te entendo Giuliano. Sou, alias, somos, minha noiva e eu, também meio fora dos padrões. Quando falavam sobre as 4 pernas, tive que, em algumas vezes, mudar as pessoas da aplicação, rsrs. Mas é bem assim, eu falo muito mais que minha noiva, tenho muito mais facilidade pra me abrir que as pessoas normais, eu quem pergunto do dia dela, e assim vai; sempre brinco com ela de que os papeis estão invertidos, que ela quem deveria falar e eu ouvir. Mas conversamos bastante e temos conseguido caminhar bem, inclusive, estou começando a... [mais]

(2) (0)

Leandro Schoen (Schoen30)
Curitiba - PR
05/02/2013, 11:43:24

Atenção! Você está deslogado.

Deslogado, seu comentário será moderado.
Identifique-se e comente sem moderação.

Todos os campos são obrigatórios

Seu nome:
E-mail:

(não será divulgado)
Localidade:
Comentário:

                                                                                                    

Código de segurança:

CAPTCHA Image
Digite os caracteres acima:

Veja a lista completa de programas


Creative Commons License
Podcast irmaos.com é licenciado pela
Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil License.


Conte-nos como conheceu o
Podcast irmaos.com

Assine nosso feed

Assine pelo iTunes


Veja a lista por podcaster:

Veja a lista completa dos títulos dos programas

Programas mais comentados
#148: Músicas seculares que edificam
#126: Dízimos o Ofertas
#135: Teísmo Aberto
#141: Márcio Valadão e as Mega-Igrejas
#200: #pod200

Programas mais ouvidos
#222: Vaidade Masculina
#224: Filmes cristãos que marcaram nossa vida
#232: Os Desigrejados
#230: A Geração EU ME ACHO
#223: Salvação, Amor e Libertação

Programas favoritos da galera
#85: Vida Cristã Relevante
#206: Santidade
#192: Despedida de Solteiro
#180: Amor X Paixão
#174: Jó

Notícias relacionadas
Entenda a periodicidade dos podcasts publicados em irmaos.com
Confira a programação do Lutando Pela Igreja e acompanhe tudo ao vivo por irmaos.com
Oro para conhecer a vontade de Deus, diz Bono
Os 20 cristãos mais influentes da internet brasileira em 2013
Kaká se torna embaixador da Visão Mundial
«Mais»

"Aquele que começou uma boa obra em vocês irá completá-la até o dia de Cristo Jesus" Filipenses 1:6